sábado, 8 de janeiro de 2011

FC Porto 4 x SC Marítimo 1 - Liga ZON Sagres - 2010/2011 - Jornada 15 - 50%

Foto retirada de MaisFutebol

Chegamos a meio de campeonato. 50% das jornadas da Liga estão concluídas, e fizemos até aqui um trajecto praticamente perfeito. 13 vitórias e 2 empates. Umas mais brilhantes que outras, mas no fim de que vale jogar brilhantemente e não vencer? 


Hoje foi um jogo com partes distintas, uma primeira um pouco intranquila, uma segunda que nos traz uma ampliação de vantagem, seguida de um golo que traz o fantasma do Nacional, mas com a vantagem de não influenciar o resultado, e depois com uma bela resposta ao golo do Marítimo.


Estes foram praticamente inofensivos, mas conseguiram marcar-nos um golo em que os centrais têm claramente culpa no cartório.


Guarin, mais uma vez a ser para mim o melhor em campo. Além de ter servido como saca rolhas, embalou-nos para a retoma da tranquilidade no marcador ao fazer também o 3º golo. Como já tinha dito aquando do jogo do Nacional, aqui está uma bela dor de cabeça para André Villas-Boas.


Uma palavra para aquele que muitas vezes é falado como o elo mais fraco, mas é o que quase sempre o que está presente no onze inicial: Rolando. Ninguém dá por ele a não ser quando faz asneiras. E acho que ultimamente ninguém fala dele, portanto, bom sinal para o rapaz. Já Otamendi e mais tarde Maicon, voltaram a facilitar cada um a seu tempo. Otamendi não deve tentar imitar David Luiz - a.k.a Side Show Bob - pois já se viu por este último que subir demasiado pode dar asneira.


Moutinho vê-se mesmo que veio do Sporting: Mais um remate, mais uma bola ao ferro.


Saúda-se o regresso de Varela, ainda com alguma falta de força nas pernas, o que é natural. O mesmo se aplica a Fernando.


Hulk não é avançado centro. Mesmo assim, melhor que Walter.


James esteve para mim bastante bem hoje. Fico contente pelo miúdo, mas não retiro o que já disse: falta-lhe táctica. Mesmo assim, um golo, quase 3 - livre e cabeceamento com assistência de Mariano.


Espero que a lesão de Sapunaru não seja grave. Aliás, é anedótico ver que sofre falta, fica lesionado e o árbitro lá perto marca falta a favor do Marítimo e dá amarelo ao Christian.


Falta-nos o Álvaro, que o Rafa não consegue substituí-lo. Faltou-nos o nosso super avançado com quem espero que renovemos o mais breve possível.


É, no entanto, importante rodar o plantel e aproveitar estes jogos em casa para recuperar fisicamente alguns jogadores. 
A ausência do Palito e Falcão, juntamente com a incorporação faseada de Fernando, poderão ajudar-nos lá mais para a frente a manter os níveis exibicionais e - ou pelo menos - os resultados...


Mariano teve um excelente regresso. Quase que tinha uma assistência para golo (para o James) e mesmo no final fico com dúvidas se estava mesmo em fora de jogo. Podia ter sido o 5º, e a terceira vez este campeonato que marcávamos 5 golos em casa.


41 pontos em 45 possíveis. Nada mau. Nada mau mesmo.

2 comentários:

  1. Bom dia,

    Ontem tivemos a atitude certa, diante de um Marítimo que veio fazer jogo passivo, abdicou de atacar, e tinha como clara estratégia chegar ao intervalo com o marcador a zero, e jogar com o nosso possível nervosismo na segunda parte.

    Mas Guarin com um golaço abriu o marcador e deu justiça ao marcador à partida para o intervalo.

    Nota para Carlos Xistra, na primeira parte, que fartou-se de apitar, teve má avaliação de lances, de interpretação de leis da vantagem etc.
    Deveria ter expulso Ricardo Esteves que num lance sem bola deu com os braços no rosto de Belluschi. No lance do golo do Marítimo, é Sapunaru que é pisado, sai mesmo lesionado e ainda leva amarelo, quando o amarelo seria para Djalma, ou seja segundo da noite para Djalma e que portanto deveria ser expulso.
    Felizmente este lance não teve influência no resultado, pois nós fizemos um jogo bravo e vencemos bem, e para penalizar a atitude do Marítimo, devia ter sido por score mais elevado.

    Guarin foi o homem do jogo. Neste esquema de jogo de Villas-Boas em que não há um médio defensivo fixo, Guarin pela sua força, capacidade técnica, resistência física e capacidade de remate de longa distância, tem vindo a ganhar o seu espaço na equipa, aproveitando bem a lesão de Fernando.
    Vai ser uma boa dor de cabeça para AVB decidir quem ocupará a posição mais recuada do meio campo.

    Moutinho foi o pêndulo da equipa, fantástico.
    James também está a aproveitar bem as oportunidades, e em jogos que tem mais espaço, demonstra toda a sua capacidade.
    Hulk está a fazer uma época fantástica, e ontem esteve bem.
    Helton transmite serenidade, Otamendi foi um "bombeiro", Sapunaru e Rafa também estiveram bem.
    Destaque também para o regresso de Mariano e para o público.

    Concluímos a 1ª. volta com um excelente registo e agora temos 8 jogos fora e 7 em casa até final do campeonato, que vamos lutar para vencer e reconquistar o ceptro de campeões que nos foi roubado na época passada.

    Abraço

    Paulo

    http://pronunciadodragao.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. é mesmo um dragão do norte
    daqweles qwe só deitãu fumo...

    fumo futebol e fado

    fama fumus

    finis cinis

    ResponderEliminar